sáb. abr 4th, 2020

cuboPOP | Últimas notícias da música, cinema e TV

Música pop, cultura, famosos, televisão, TV, cinema, geek, games, tecnologia

Apple TV Plus demite executivo após fracasso crítico de séries da plataforma

The Morning Show

Duas semanas após a estreia do esperado serviço de streaming da Apple, o Apple TV Plus, The Verge relatou que Kim Rozenfeld está deixando o seu cargo de Chefe de Programação e Conteúdo. A notícia vem como um choque devido à antecipação com o serviço da Apple e o grande investimento feito na plataforma que tem o intuito de competir com a Netflix, Amazon e HBO Max.

O que selou o destino de Rozenfeld foi o fato de que a primeira leva de séries da Apple TV Plus terem desapontado criticamente. As grandes apostas receberam em sua maioria criticas mistas ou negativas como The Morning Showsérie estrelada por Reese Witherspoon e Jennifer Aniston que atualmente tem uma nota 60 no agregador de críticas Metacritic.

Outras obtiveram resultados piores como See, a série pós-apocalíptica estrelada por Jason Momoa, que chegou a custar $15 milhões por episódio e amarga uma nota desfavorável de 37 no Metacritic. Kim Rozenfeld foi um dos primeiros a serem contratados para compor a equipe da Apple TV Plus, antes ele passou anos como executivo da Sony Television.

Apesar da demissão, ambos partiram em termos favoráveis tendo em vista que ele mantém um contrato de first-look com a Apple, significa que ela tem direito a analisar se quer produzir alguns de seus projetos ou passar para outros estúdios. Além disso as séries como The Morning Show, See, Dickinson e For All Mankind estão renovadas para a segunda temporada.

O serviço de streaming Apple TV Plus custa R$9,90 por mês no Brasil, com o direito a um teste grátis de 7 dias.

Espalhe a palavra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *